Com menor arrecadação, sindicatos precisam demitir funcionários

Há, atualmente, quase 14 milhões de desempregados no Brasil. O retrato em crise pode ser visto nas longas filas de quem procura por trabalho. O cenário é tão ruim que até os sindicatos estão demitindo funcionários. Mais de três mil vagas já foram extintas, desde 11 de novembro, quando a reforma trabalhista entrou em vigor - e acabou com a obrigatoriedade do imposto sindical. Segundo dados do Ministério do Trabalho, só o Sindicato dos Comerciários de São Paulo fechou 300 vagas. A Força Sindical, central que reúne 13 mil trabalhadores, dispensou 50 funcionários.

FRIGOYAMA